24 de julho de 2017

Lição 4 - Despertamentos Espirituais na Inglaterra: Subsidio: Juvenis - de 15 a 17 anos

LEITURA BÍBLICA DA SEMANA
Seg. Is 6.8: Um chamado
Ter. Mc 16.15: Um ordem
Qua. Mc 3.1 – 3: Uma mensagem
Qui. Jl 2.28 – Uma promessa
Sex. Mt 4.19: Um convite
Sáb. Ed 6.14- Os frutos de uma profecia
OBJETIVOS
- Conhecer o Ministério de Joh Wesley;
- Mostrar a missão de um homem de Deus;
- Destacar o impacto do avivamento na Inglaterra.

REFLEXÃO
"Mas o Senhor disse a Satanás: O Senhor te repreende, ó Satanás, sim, o Senhor, que escolheu Jerusalém, te repreende; não é este um tição tirado do fogo?" (Zc 3.2)

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
Mateus 5.13-16
13- Vós sois o sal da terra; e, se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta, senão para se lançar fora e ser pisado pelos homens.
14- Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte;
15- nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas, no velador, e dá luz a todos que estão na casa.
16- Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem o vosso Pai, que está nos céus.

SINTETIZANDO
Não são poucas as vezes que o mundo perde o seu sabor e não são raros os momentos de trevas na humanidade. A história é testemunha de momentos insípidos e tenebrosos, marcados no rosto dos sofredores, nas rugas que checaram antes da hora na face dos desvalidos. A Inglaterra do século XVIII representa um desses conturbados momentos da história. A lição desta semana pretende mostrar o que acontece quando pessoas se tornam sal da terra e luz do mundo.

INTRODUÇÃO
Dois séculos depois de Lutero e de outros reformadores empreenderem a obra da Reforma Protestante na Europa, a frieza espiritual e o pecado haviam tomado conta das nações originárias desse movimento. Não muito diferente dos outros países da Europa, a Inglaterra mergulhou no pecado. Bebedices, prostituição, violência, exploração e pobreza nacional até que o Espírito Santo "queimou com fogo" o coração de John Wesley e de outros pregadores.

A AULA VAI COMEÇAR
Prezado professor, prezada professora, John Wesley possui frases extraordinárias que demonstra bem o pensamento dos grandes homens de Deus que deixaram um legado extraordinário para o mundo. Pesquise algumas das suas frases, a maioria extraída de seus sermões, e faça alguns cartazes, espalhe pela sala de aula e inicie lendo-as com seus alunos. Dê um tempo para a reflexão e debate e depois comece a lição.

1. O MINISTÉRIO DE JOHN WESLEY
1.1. Inconformismo com o mundo.
A pergunta de Jesus é contundente: "se o sal for insípido, com que se há de salgar?" (Mt 5.133). Na história da Igreja, há momentos de uma crescente degradação espiritual e moral. Mas em nenhum momento as Escrituras nos autorizam a nos acomodarmos espiritualmente. Ao contrário, nosso papel é o de ser o avesso do mundo. Assim, Deus despertou John Wesley.

1.2. A chamada de um homem de Deus.
John Wesley foi o décimo quinto filho do Rev. Samuel e de sua esposa Susana Wesley. Nasceu em 17 de junho de 1703, em Epworth, Inglaterra. Com seis anos de idade, inimigos atearam fogo no segundo andar da sua casa. Mas um vizinho, em pé, no ombro de outro, o alcançou, salvando-o. Por isso, os Wesleys sempre o consideraram "um tição tirado do fogo" (Zc 3.2).

Alfabetizado por sua mãe a partir da Bíblia, Wesley foi para a universidade de Oxford em 1720. Ali, junto com seu irmão Charles e outros, fundou um grupo de oração e de leitura da Palavra conhecido como "Clube Santo". Entretanto, John Wesley vivia atormentado pelo medo de perecer no Inferno, até que algo extraordinário aconteceu em Aldersgate: "Senti o coração abrasado; confiei em Cristo, confiei em Cristo, somente em Cristo, para a salvação: foi-me dada certeza de que Ele levara os meus pecados e de que me salvara da lei do pecado e da morte. Comecei a orar com todas as minhas forças... e testifiquei a todos os presentes do que sentia no coração" (Heróis da fé, CPAD. p.54).

1.3. Um ministério frutífero.
John Wesley passou a pregar com mais fervor, alcançando milhares de almas para Cristo. Já que lhe fora proibido pregar em vários púlpitos, Wesley disse: "minha paróquia é o mundo". Assim, pregou no campo, nas minas de carvão, nos porões da igreja Verdadeiramente ele ouviu a ordem de Jesus: "ide por todo mundo..." (Mt 16.15). E você? Consegue ouvir esse chamado?

AÇÃO TÓPICO l
O avivamento wesleyano transformou não só a história da Inglaterra. A força deste mover espiritual rompeu inúmeras barreiras, chegando ao mundo todo. Missionários foram espalhados por várias nações a partir do sopro de Deus em território inglês. Entre muitos personagens desse avivamento, temos o homem do coração aquecido, John Wesley. Antes ou depois de falar sobre este tópico, peça aos seus alunos para imaginar e falar como seria John Wesley, em seguida mostre uma "fotografia" de John Wesley.

2. O MINISTÉRIO DE PODER
2.1. Iluminando o mundo.
Jesus prossegue: "Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas, no velador [...]" (Mt 5.14,15). "Cidade sobre o monte" e "candeia sobre o velador" são ótimas alegorias que revelam a importância do ministério de John Wesley na Inglaterra. O ministério wesleyano de pregação iluminava a vida daqueles que se encontravam em trevas.

2.2. A missão de um homem de Deus.
Wesley foi um homem de oração e compaixão pelo mundo perdido. Sua grande missão era salvar os homens do fogo do Inferno. Não por acaso a expressão "o tição tirado do fogo" cabia muito bem nele anos depois daquele maravilhoso milagre. Quando as portas das igrejas tradicionais se fecharam, como uma cidade sobre os montes e uma candeia no velador, John Wesley pregou ao ar livre, nas ruas, nas praças e tudo quanto era lugar influenciando homens e colocando "fogo na Inglaterra".

AÇÃO TÓPICO 2
O avivamento wesleyano teve muitos outros colaboradores além de John Wesley. Procure mostrar neste tópico o impacto que o ministério de John Wesley representou para a Inglaterra.

3. O IMPACTO DO AVIVAMENTO INGLÊS NA SOCIEDADE
3.1. Impactando o mundo.
O Sermão do Monte continua: "Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem o vosso Pai, que está nos céus" (Mt 5.16). A fé de John Wesley, bem como a de outros, transbordou em obras que mudaram radicalmente a Inglaterra.

3.2. Uma real transformação.
O cenário tenebroso da nação inglesa do século XVIII foi radicalmente transformado. Antes, a religião era motivo de zombaria por causa dos clérigos bêbados, das igrejas vazias e frias. A sociedade inglesa era marcada pela escravidão, preconceito, violência e corrupção. Os avivalistas da Inglaterra deixaram profundas marcas na sociedade e na própria igreja: a abolição da escravatura, a educação pública, os direitos trabalhistas, mais dignidade para as mulheres e uma igreja cheia do Espírito Santo e repleta de convertidos. O Santo Espírito pode usar você para impactar a sua geração!

AÇÃO TÓPICO 3
Inicie esse tópico Lendo recortes de jornais que apresentam algumas mazelas sociais de nosso tempo. "Violência, corrupção, escândalos etc."(Obs: Selecione as notícias com prudência para não chocar a classe). Em seguida, revele que a Inglaterra pré-avivamento não era muito diferente das notícias lidas, destacando como o Avivamento mudou aquela nação.

CARO PROFESSOR, ao terminar a aula, aprofunde a reflexão com os seus alunos, sobre a situação econômica, social, política e espiritual da Inglaterra pré-avivamento e compare com o contexto brasileiro da atualidade, destacando que a grande saída para os problemas que enfrentamos hoje pode ser um grande avivamento na Igreja Brasileira. E incentive-os a orar pelo sopro do Espírito Santo sobre a nossa nação.

SUBSÍDIO 1
"O céu, à meia-noite, era iluminado pelo reflexo sombrio das chamas que devoravam vorazmente a casa do pastor Samuel Wesley. Na rua, ouviam-se os gritos: 'Fogo! Fogo!' (...) A ama, ao ser despertada pelo alarme, arrebatou a criança menor, Carlos, do berço. Chamou os outros meninos, insistindo que a seguissem, desceu a escada; porém, João [...] ficou dormindo. Três vezes a mãe, Susana Wesley, que se achava doente, tentou, debalde, subir a escada. Duas vezes o pai tentou, em vão, passar pelo meio das chamas, correndo. Sentindo o perigo, ajuntou a família no jardim, onde todos caíram de joelhos e suplicaram a favor da criança presa pelo fogo. Enquanto a família orava, João acordou e, depois de tentar descer pela escada, subiu numa mala que estava em frente a uma janela, onde um vizinho o viu em pé. O vizinho chamou outras pessoas e conceberam o plano de um deles subir nos ombros de um primeiro enquanto um terceiro subia nos ombros do segundo, e alcançaram a criança. Dessa maneira, João foi salvo da casa em chamas, apenas instantes antes de o teto cair com grande fragor. O menino foi levado, pelos intrépidos homens que o salvaram, para os braços do pai (...) Anos depois, em certa publicação, apareceu o retrato de João Wesley e embaixo a representação de uma casa ardendo, com as palavras: 'Não é este um tição tirado do fogo?' (Zacarias 3.2)" (BOYER, Orlando. Heróis da Fé. Rio de Janeiro: CPAD, 2002, pp.47,48).

SUBSÍDIO 2
João Wesley costumava ler os jornais todos os dias para ver o que Deus andava fazendo pelo mundo. O evangelista inglês, que revolucionou as ilhas britânicas no século XVIII, sabia muito bem que Jeová comanda todas as coisas: que os reis e governantes estão submissos à sua vontade; e, que, de acordo com os seus desígnios, ascendem e caem os potentados. Wesley acreditava ser Deus o Senhor da História. Como tal, interessa-se o Altíssimo pela humanidade; está sempre pronto a intervir em favor de seus filhos (...)
Para Wesley, as portas do processo histórico não haveriam de prevalecer contra a igreja verdadeiramente avivada. O mesmo, infelizmente, parece já não acontecer com muitas igrejas. Embora caminhemos com celeridade para o dia de Cristo, achamos que ter um lugar na história é a máxima realização para o povo que deveria postar-se como sacerdote, aprumar--se como profeta e levantar-se como nação real. Acontece, porém, que não fomos chamados para ter um lugarzinho lamentado na história. Fomos intimados para uma missão mais alta e, infinitamente, mais sublime. Desta vocação, jamais fugiremos, como não fugiram os apóstolos e os missionários que lhes seguiram os passos na grande jornada para instauração do Reino de Deus. Veremos, a seguir, o que precisamos fazer para retomarmos os rumos que nos legaram os gigantes que viveram de avivamento em avivamento (ANDRADE, Claudionor Corrêa de. Fundamentos Bíblicos de um Autêntico Avivamento. Rio de Janeiro: CPAD, 2004, pp.165,66).

HORA PA REVISÃO

Como era conhecido o grupo de oração de John Wesley, seu irmão e seus amigos em Oxford?
Clube Santo.


Por que a Família de John Wesley o considerava como "um tição tirado do fogo" (Zc 3.2)?
Porque ele foi salvo de um incêndio em sua casa quando tinha 6 anos.


O que John Wesley fez quando as portas das igrejas tradicionais se fecharam para ele?
Começou a pregar ao ar livre nas praças e tudo quanto era lugar influenciando homens e colocando "fogo na Inglaterra",

Qual o cenário da Igreja e da sociedade Inglesa pré-avivamento?
A religião era motivo de zombaria, clérigos bêbados, igrejas vazias e frias. A sociedade Inglesa era marcada pela escravidão, preconceito, violência e corrupção.


Quais as marcas deixadas na igreja e na sociedade Inglesa após o avivamento?
Os avivalistas na Inglaterra deixaram profundas marcas na sociedade e igreja. A abolição da escravatura, a educação pública, direitos trabalhistas, mais dignidade para as mulheres e uma igreja cheia do Espírito Santo, repleta de convertidos.

PARA CONCLUIR
Tudo o que os avivalistas desejavam era uma vida nova brotando na igreja e transbordando para a sociedade. Perseguidos e ameaçados, eles prosseguiram com o coração cheio de amor, e com a alma sedenta, escutaram o clamor de Deus: "a quem enviarei e quem há de ir por nós"; e disseram espontaneamente: "eis-me aqui, envia-me a mim" (ls 6.8). Tornaram-se profetas de sua geração. Assim, a Inglaterra nunca mais foi a mesma. Aquele clamor ouvido por Isaías, no ano em que morreu o rei Uzias, ainda ecoa. Quem há de responder ao chamado?

Revista Juvenis - de 15 a 17 anos: 3º Trimestre de 2017 - Tema: Avivamento para juventude: Cpad...mais »

Clique nos links abaixo
através deste site.Almeida Revista e
Atualizada
Bíblia Nova Tradução na Linguagem de Hoje, da Sociedade Bíblica do Brasil. através deste site.
BÍBLIA ONLINE
Fonte: Lições Bíblicas Juvenis – 3° Trimestre de 2017/
Fonte: www.sub-ebd.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário